Visitantes Totais19082

Desde 2010 plantamos 4633 árvores

início

VOLUNTARIADO TRANSPORTES PASCOAL

 (leia todas as notícias mais abaixo)

 

Trinta colaboradores e a administração da empresa Transportes Pascoal participaram, hoje, numa ação de limpeza e reflorestação da Mata Nacional do Bussaco (Mealhada). 
Foi o primeiro ato simbólico de uma ação maior, que prevê a plantação de mil árvores certificadas, adquiridas nos viveiros da Fundação Mata do Bussaco para plantar em zonas ardidas, no incêndio de agosto de 2017, na freguesia de Barcouço (Mealhada). 
José e Catarina Pascoal, da empresa Transportes Pascoal, entregaram um cheque ao presidente da Fundação Mata do Bussaco com um donativo de 7500 euros para ajudar a reabilitar a floresta pública.

Bussaco, 7 de dezembro de 2017

Pascoal

 

ÚLTIMO "SEMENT EVENT" VAI DEBATER AS INVASORAS E A CONSERVAÇÃO DA NATUREZA

A Fundação Mata do Bussaco irá promover, entre 18 e 26 de novembro, a 7ª e última edição do "Sement Event", que encerrará o projeto comunitário BRIGHT - Bussaco´s Recovery of Invasions Generating Habitat Threats, que tem ajudado a proteger e valorizar os habitats naturais presentes na Mata Nacional do Bussaco, através do controlo e erradicação de espécies exóticas invasoras que os ameaçam.

O “Sement Event” tem como duplo propósito a comemoração, no Bussaco, do Dia Nacional da Florestal Autóctone (23 de novembro) e a apresentação das atividades desenvolvidas ao longo do ano no âmbito do Projecto BRIGHT, apoiado pelo Programa LIFE+/Biodiversidade.
Venha participar!

Bussaco, 9 de novembro de 2017

Sement Event Programa

 

VOLUNTÁRIOS DE 13 PAÍSES PLANTAM 3500 ÁRVORES EM QUATRO DIAS

Mais de meia centena de membros da Organização Não Governamental (ONG) japonesa Sukyo Mahikari participaram, durante quatro dias, numa ação de voluntariado, na Mata Nacional do Bussaco, que resultou na plantação de 3500 árvores em zonas fustigadas pelo ciclone Gong (2013) e pela tempestade Stephanie (2014), no controlo de plantas invasoras numa área de 1 hectare de floresta e ainda no semeio de 400 sementes de carvalho.

 É a terceira vez que esta organização internacional participa, nesta floresta pública do concelho da Mealhada, em ações de voluntariado, com jovens e adultos de diversos países. Desta vez, a Sukyo Mahikari levou ao Bussaco cidadãos de 13 países: Portugal, Espanha, Guadalupe, França, Suíça, Bélgica, Alemanha, Itália, Inglaterra, Venezuela, Guiné-Bissau, República do Congo e Argentina.

 Recorde-se que a Sukyo Mahikari é uma organização internacional, sediada na cidade de Takayama, que tem representações em 75 países, com cerca de um milhão de membros ativos. Só no Japão existem cerca de mil sedes, na América Latina existem 129 e no Brasil 59. Mahikari é um novo movimento religioso japonês cujos membros acreditam ser esta uma arte espiritualista que tem por objetivo a renovação espiritual de toda a humanidade. Segundo eles, esta renovação é fundamentada por revelações divinas que Deus - o Deus Supremo, criador do céu e da Terra - teria reportado ao seu fundador Yoshikazu Okada. O grupo contribui ativamente para causas ligadas à natureza, tendo participado em projetos como a Grande Muralha Verde que se encontra a ser plantada em África para travar o avanço do deserto do Sahara.

Na opinião de Jóni Vieira, coordenador do projeto BRIGHT - Bussaco’s Recovery from Invasions Generating Habitat Threats, responsável pelo combate a plantas invasoras e reflorestação da Mata Nacional, “a colaboração do grupo Sukyo Mahikari foi, como já anteriormente havia sido, preciosa”. “São pessoas muito solidárias, sempre muito disponíveis, super corretas e educadas, prontas para ajudar em tudo. Deixaram uma marca importante no Bussaco e a Fundação agradece e enaltece o inestimável contributo e exorta outras organizações, associações, coletividades, autarquias, empresas e pessoais individuais a seguirem o mesmo exemplo de voluntariado, tomando a iniciativa de se inscreverem por e-mail ( Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. ) ou por telefone (231937000)”, afirma Jóni Vieira.

Bussaco, 30 de outubrbro de 2017

SM 22904868 1424303724344595 3076009312014141610 o

 

DINA AGUIAR, JORNALISTA DA RTP, PLANTOU ÁRVORE NA MATA NACIONAL DO BUSSACO

Dina Aguiar, jornalista da RTP desde 1978, plantou uma árvore (carvalho alvarinho - quercus robur), hoje, na Mata Nacional do Bussaco. 
Recorde-se que Dina Aguiar começou a sua carreira na RTP na apresentação da Informação 2, em parceria com António Mega Ferreira e José Júdice. Foi pivot, durante mais de uma década, do Telejornal. Trabalhou no programa "O País Real", no "País, País", depois no "Regiões" e em seguida no Portugal em Direto.
Para além de jornalista, é também pintora. Como artista plástica, desenvolveu uma atividade regular com exposições em Portugal e no estrangeiro (Itália, Espanha, Noruega, Brasil, etc.).

Bussaco, 24 de setembro de 2017

Ana Jesus Ribeiro 5 I CAPhoto Formação

 

REALIZOU-SE MAIS UM TRILHO FLORESTA RELÍQUIA

No âmbito do Projeto BRIGHT/Life+, uma dezena de pessoas realizaram, hoje, o Trilho Floresta Relíquia. Ao longo de um percurso que se iniciou no arboreto e seguiu até à Cruz Alta, os participantes tiveram a oportunidade de (re)descobrir algumas das plantas mais emblemáticas deste local secular e único no Mundo.

Bussaco, 16 de setembro de 2017

Trilho Floresta Relíquia setembro 2017 - Cópia

 

BASTONÁRIO DA ORDEM DOS ADVOGADOS EM PLANTAÇÃO NO BUSSACO

O bastonário da Ordem dos Advogados, Guilherme Figueiredo, plantou uma árvore (azereiro), hoje, na Mata Nacional do Bussaco. É mais um importante contributo no processo de reflorestação deste espaço público e um exemplo que deve ser seguido por todos.

Bussaco, 11 de setembro de 2017

Bastonário Advogados 4 - Cópia 

 

(RE)DESCOBRIR A MATA AO LONGO DO TRILHO ADERNAL

No âmbito do Projeto BRIGHT/Life+, uma dezena de pessoas realizaram, hoje, o Trilho Adernal, na Mata Nacional do Bussaco. Ao longo do percurso, os participantes tiveram a oportunidade de (re)descobrir algumas das plantas mais emblemáticas deste local secular e único no Mundo.
Esteja atento ao nosso programa de trilhos, que vamos atualizando no Facebook, e inscreva-se!  

Bussaco, 9 de setembro de 2017

Trilho Adernal  setembro 2017

 

SELEÇÃO NACIONAL DE HOQUÉI EM PATINS EM AÇÃO DE REFLORESTAÇÃO

 A Selecção Nacional de hóquei em patins aproveitou a presença no Luso para participar, esta manhã, numa acção de sensibilização ambiental no Bussaco. A equipa trocou os sticks por pás e picaretas e plantou um azereiro, espécie ibérica em extinção, também conhecida como gingeira-brava ou loureiro-de-portugal, na Mata Nacional do Bussaco. Um ato simbólico de ajuda à reflorestação da Mata que contou com a presença do vice-presidente da Câmara Municipal da Mealhada, Guilherme Duarte, e do anfitrião o presidente da Fundação Mata do Bussaco, António Gravato, que procurou elucidar jogadores e equipa técnica das quinas acerca do passado, do presente, mas também do futuro deste espaço verde tão singular.

Bussaco, 10 de agosto de 2017

Seleção Nacional Hóquei Patins

 

LUÍS REPRESAS PLANTA ÁRVORE NO BUSSACO

O músico Luís Represas plantou uma árvore, ontem, na Mata Nacional do Bussaco e não poupou elogios à "imponência e ao esplendor da floresta". O ex-cantor do grupo Trovante prometeu mesmo apoiar a candidatura a Património Mundial da UNESCO.

Bussaco, 17 de julho de 2017

Represas

 

SALESIANOS EM AÇÃO DE VOLUNTARIADO NO BUSSACO

Uma ação de voluntariado realizada por um grupo de 16 jovens e duas monitoras da Fundação Salesianos – Serviço SolSal Solidariedade Salesiana de Évora e Vendas Novas decorreu, ontem, no Pinhal do Marquês. A iniciativa, promovida pela Casa Salesiana de Mogofores e inserida no âmbito do Projeto BRIGHT do programa LIFE, visou a dinamização de atividades de controlo de flora exótica invasora (Acacia dealbata e Acacia melanoxylon) naquela parcela de intervenção da Mata.

Bussaco, 7 de julho de 2017

Salesianos em ação de voluntariado no Bussaco

 

TRILHO BRIGHT - JULHO

Pelos caminhos da Mata Nacional do Bussaco, alunos do 9º ano de escolaridade da EB2,3 de Arazede descobriram a Floresta Relíquia deste local tão peculiar. O trilho realizado é um dos três trilhos BRIGHT que oferecemos todos os sábados, às 10h. Não perca, dia 8 de julho, o próximo Trilho Adernal.

Bussaco, 1 de julho de 2017

Trilho Bright

 

GRUPO DE INOVAÇÃO FLORESTAL NO BUSSACO

Recebemos, no passado dia 23, o Atelier de Inovação Florestal da Associação Inovisa. O Bussaco foi o local escolhido para o grupo passear e reunir com inovadores da fileira florestal.

Bussaco, 26 de junho de 2017

inovisa inovisa

 

PADRE VÍTOR MELÍCIAS VISITA O BUSSACO

O padre Vítor Melícias plantou uma árvore, hoje, na Mata Nacional do Bussaco (Luso, Mealhada) e não poupou elogios à imponência e ao esplendor da floresta e à monumentalidade do seu património edificado, nomeadamente o Palácio do Bussaco e o Convento de Santa Cruz.
O religioso franciscano, que já foi agraciado com a grande oficial da Ordem de Benemerência (1983), o Prémio Nacional de Solidariedade (1986) e a grã-cruz da Ordem do Mérito (1993), plantou um azereiro (Prunus lusitanica), na Fonte do Carregal, na presença do presidente da Câmara Municipal da Mealhada, Rui Marqueiro, do presidente da Fundação Mata do Bussaco, António Gravato, e de um um grupo de fãs.
No final da visita ao Bussaco, Vítor Melícias, presidente de honra da Confederação Internacional das Misericórdias, visitou, a convite do presidente da Câmara Municipal, Rui Marqueiro, o Hospital da Santa Casa da Misericórdia da Mealhada.

Bussaco, 18 de maio de 2017

Padre V Melícias

 

 ALCAIDE ESPANHOL VISITA E PLANTA ÁRVORE NO BUSSACO

- A iniciativa decorreu no âmbito de uma reunião de trabalho de preparação a uma candidatura comunitária conjunta.

O alcaide de Béjar, Alejo Riñones Rico, e o Jefe del Servicio de Planificación y Estudios de la Consejería de Cultura y Turismo de la Junta de Castilla y León, Jesús del Val Recio, plantaram duas árvores na Mata Nacional do Bussaco.

A ação de reflorestação, presenciada pelo presidente da Câmara Municipal da Mealhada, Rui Marqueiro, e pelo presidente da Fundação Mata do Bussaco, António Gravato, foi precedida de uma reunião de preparação de uma candidatura ibérica que, entre outros, visa tornar a Mata do Bussaco mais acessível a pessoas em cadeira de rodas ou com problemas de locomoção.
Bussaco, 13 de maio de 2017

Béjar Béjar2 

 

TRI-CAMPEÃ NACIONAL E EUROPEIA DE BODYBORD PLANTA ÁRVORE NO BUSSACO

- Joana Schenker confessou-se "honrada" com o convite e "deslumbrada" com a beleza natural da Mata.

A tri-campeã nacional e europeia de bodyboard, Joana Schenker, plantou uma árvore, hoje, na Mata Nacional do Bussaco. Mais um passo importante na reflorestação desta floresta pública que é candidata a Património Mundial da UNESCO!

Bussaco, 12 de maio de 2017

j2 J3

 

CENTRO ESCOLAR DA MEALHADA EM VOLUNTARIADO NO BUSSACO

Hoje, recebemos a visita de cerca de meia centena de alunos e professores dos 3º e 4º anos do Centro Escolar da Mealhada. Uma ação de voluntariado, realizada no âmbito da Ação D.7 do Projeto BRIGHT, que contou com um passeio matinal inteiramente dedicado à (re)descoberta das plantas - autóctones e exóticas - mais emblemáticas da Mata Nacional do Bussaco. Após um piquenique que teve lugar junto da Fonte Fria, foi altura dos pequenos participantes deixarem a sua preciosa contribuição nos Viveiros da Mata onde aprenderam a fazer sementeiras de Aderno e de Folhado.

Bussaco, 3 de maio de 2017

 IMG 20171121 153045

 

RUI VELOSO E LUÍS DE MATOS APOIAM O PROJETO BRIGHT

Rui Veloso deixou a sua marca, ontem, na Mata Nacional do Bussaco, ao plantar um cedro. Foi um dia de "estrelas", com duas figuras públicas - Rui Veloso e Luís de Matos - a plantar árvores nesta floresta pública.

Bussaco, 10 de abril de 2017

Rui Veloso Rui Veloso 2jpg

 

SEPNA e GNR em VOLUNTARIADO NO BUSSACO

Hoje, elementos do Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) do Destacamento da GNR de Anadia, o comandante do referido Destacamento, o comandante da GNR da Mealhada e alguns militares deste posto plantaram árvores na Mata Nacional do Bussaco. A Fundação Mata do Bussaco agradece a simpatia da GNR e enaltece a disponibilidade e o interesse manifestados pelo SEPNA no estabelecimento de uma relação de proximidade mais profícua entre as duas instituições.

Bussaco, 21 de março de 2017

gnr - Cópia

 

PROJETO BRIGHT - VOLUNTARIADO INFANTIS

Em fevereiro, mais de 450 alunos participaram em sementeiras de adernos, azevinhos, gilbardeiras e sobreiros, auxiliaram na montagem de uma mini-estufa e tomaram conhecimento das plantas autóctones existentes na Mata Nacional do Bussaco. Ações que foram desenvolvidas no âmbito da Ação D.7 do Projeto Bright (Bussaco’s Recovery of Invasions Generating Habitat Threats).

Bussaco, 20 de fevereiro de 2017

bright 1 Bright 2

 

ATORES JOSÉ PEDRO GOMES E ANTÓNIO MACHADO PLANTAM ÁRVORES NO BUSSACO

Os atores e humoristas José Pedro Gomes e António Machado plantaram duas árvores (cedro do Bussaco e azereiro, respetivamente), hoje, dia 3 de fevereiro, na Mata Nacional do Bussaco.
Esta iniciativa de plantação de árvores, que decorreu num ambiente de permanente boa disposição e bom humor, enquadra-se no projeto de reflorestação que a Fundação Mata do Bussaco tem vindo a desenvolver na referida Mata Nacional, que é candidata à classificação de Património Mundial da UNESCO e foi a primeira floresta pública portuguesa a receber a certificação FSC (gestão florestal ambientalmente adequada, socialmente benéfica e economicamente viável). Pedro Abrunhosa, Marisa Liz (Amor Electro), Assunção Cristas, Maria de Belém, José Cid, Rui Reininho e Marco Paulo foram apenas algumas das figuras públicas nacionais que plantaram recentemente árvores no Buçaco. Também uma equipa de futebol dos Emirados Árabes Unidos e um grupo de investigadores chineses plantaram uma árvore, este ano, no Buçaco.
Recorde-se que todo o trabalho de limpeza e reabilitação da Mata decorre no âmbito do projeto BRIGHT – "Bussaco´s Recovery from Invasions Generating Habitat Threats", com o apoio do Programa LIFE+.

Bussaco, 4 de janeiro de 2017

Atores 16 Plantação

 

EDUARDO BEAUTÉ PLANTA ÁRVORE NO BUSSACO 

O cabeleireiro Eduardo Beauté plantou uma árvore (carvalho alvarinho), hoje, na Mata Nacional do Bussaco (Luso, Mealhada). Na iniciativa “amiga do ambiente”, o socialite fez-se acompanhar dos seus três filhos - Bernardo, Lurdes e Eduardo -, que também fizeram questão, cada um deles, de plantar uma árvore.

Eduardo Beauté ficou encantado com o património histórico, cultural, arquitetónico e sobretudo com a fauna e flora que encontrou nos 105 hectares da Mata Nacional do Bussaco.

Bussaco, 22 de janeiro de 2017

Eduardo Beauté Jornal Mata - Cópia f Bright

 

"PERFUMES DA MATA"

A Fundação Mata do Buçaco (FMB) vai lançar, amanhã, a linha de produtos “Perfumes da Mata”, que inclui velas e ambientadores com aromas naturais de acácias e de cedros da Mata Nacional do Buçaco. É um projeto que, pelas suas características peculiares, é pioneiro.

As acácias são uma planta invasora que tem de ser combatida. No Buçaco, ao invés de simplesmente as abater, a FMB vai mais longe e dá-lhes utilidade, extraindo óleo para fragrâncias. 
Na Mata Nacional do Buçaco, nada se perde. Tudo se transforma!

Informações:  Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.  - 231 937 000

Bussaco, 28 de dezembro de 2016

catálogo Perfumes da Mata

 

 

 DIRETOR EUROPEU da FSC PLANTA ÁRVORE NO BUÇACO

A equipa que lidera os setores de Informação, Programação e Comercial da Rádio Clube da Pampilhosa (RCP) plantou uma árvore (carvalho alvarinho), ontem, no Pinhal do Marquês, na Mata Nacional do Buçaco (Luso, Mealhada).
A plantação feita por João Paulo Teles (jornalista), Nuno Pimenta (locutor) e Vera Mendes (diretora comercial) enquadra-se no projeto de reflorestação que a Fundação Mata do Buçaco tem vindo a desenvolver na referida Mata Nacional, que é candidata à classificação de Património Mundial da UNESCO.

 O diretor europeu da FSC® (Forest Stewardship Council®), Anand Punja, plantou uma árvore, ontem, na Mata Nacional do Buçaco (Mealhada), contando, para o efeito, com a colaboração de Carlos Tavares Ferreira (FSC Portugal Director), Vera Santos (FSC Executive secretary) e Joana Faria (FSC Business Development Officer).

Na ocasião, o presidente da Fundação Mata do Buçaco, António Gravato, agradeceu o abeto que os referidos membros da FSC plantaram no Vale dos Abetos e, como sinal de reconhecimento, ofereceu-lhes um cartão prestígio, que dá livre acesso, durante um ano, à Mata Nacional do Buçaco.
Recorde-se que a FSC certifica a "gestão florestal ambientalmente adequada, socialmente benéfica e economicamente viável". A Mata Nacional do Buçaco foi a primeira floresta pública portuguesa com esta certificação.

Bussaco, 8 de dezembro de 2016

Baix Resol15  Baix Resol4

 

AÇÃO DE VOLUNTARIADO SUKYO MAHIKARI e a ASSOCIAÇÃO de CONSERVAÇÃO da NATUREZA MONTIS

A ação de voluntariado (limpeza e reflorestação), na Mata Nacional do Buçaco, realizada pela Or (ONG) Sukyo Mahikari e Associação de Conservação da Natureza MONTIS decorreu no âmbito do projeto BRIGHT-Bussaco's Recovery of Invasions Generating Habitat Threats. Em dois dias, cerca de 40 pessoas plantaram mais de 2200 árvores de espécies autóctones (carvalhos, azereiros, folhados, medronheiros, loureiros, azevinhos e pilriteiros) na Mata Nacional do Buçaco.

Bussaco, 22 de novembro de 2016

IMG 0592 IMG 2181

 

"SEMENT EVENT 2016" já arrancou!

Começou, hoje, a 6ª edição do Sement Event, com um percurso pela Mata Nacional do Buçaco, à descoberta do adernal. Dezenas de voluntários, entre os quais escuteiros do agrupamento da Sé Nova de Coimbra, participaram na plantação de 310 árvores/plantas (carvalhos, azereiros, azevinhos e outras espécies autóctones) no Pinhal do Marquês.

Especialmente nesta semana do Sement Event, façam como estes voluntários, juntando-se à nossa equipa na reflorestação da Mata do Buçaco!

Bussaco, 19 de novembro de 2016

1o 8

 

 SEMENT EVENT 2016

O sexto “Sement Event” organizado pela Fundação Mata do Buçaco tem como duplo propósito a comemoração, na Mata Nacional do Buçaco (Luso, Mealhada), do Dia Nacional da Florestal Autóctone e a apresentação das atividades desenvolvidas ao longo do ano no âmbito do Projecto BRIGHT – Bussaco’s Recovery of Invasions Generating Habitat Threats, apoiado pelo Programa LIFE+/Biodiversidade. Neste contexto, o programa irá contar com atividades dirigidas a diversos públicos e centradas em temáticas sobre as quais os trabalhos do projeto se têm debruçado: a propagação de espécies autóctones, valorização e renaturalização de espaços degradados e controlo de espécies exóticas invasoras (lenhosas e herbáceas).

 No que concerne à programação para o público em geral, o programa da edição de 2016 do “Sement Event” inclui atividades gratuitas, mas de inscrição obrigatória, dirigidas ao envolvimento de diversos públicos nos trabalhos de conservação da Mata Nacional do Buçaco, os quais têm em vista residentes, visitantes, escolas, IPSS e instituições privadas e públicas que, já desenvolvendo voluntariado e colaboração no âmbito do BRIGHT, manifestaram interesse em associar-se ao evento, participando em ações de limpeza e plantação.

Local: Mata Nacional do Buçaco e Grande Hotel de Luso (Mealhada) 19 a 26 de novembro de 2016

Bussaco, 11 de novembro de 2016

etiqueta-page-001

 

PARTICIPANTES DE SEMINÁRIO INTERNACIONAL VISITAM MATA NACIONAL DO BUÇACO

O segundo dia do evento INTER LIFE PT 2016 começou, logo pela manhã, na Cruz Alta, na Mata Nacional do Buçaco. O grupo, constituído por cerca de cinco dezenas de participantes, ali se concentrou e logo após uma breve contextualização histórica do local, realizada pelo presidente da Fundação Mata do Buçaco (FMB), António Gravato, seguiu encosta abaixo rumo à zona do adernal, uma das áreas privilegiadas de atuação do projeto BRIGHT apoiado pelo instrumento financeiro LIFE. Chegados à zona do miradouro das Portas de Coimbra foi altura para o grupo carregar energias, com um merecido coffee-break. A plantação de dezena e meia de adernos (Heberdenia excelsa) e de cerca de duas centenas de gilbardeiras (Ruscus aculeatus) finalizou o programa matinal.

Os trabalhos prosseguem durante a tarde, no Grande Hotel do Luso, com a realização de mais uma mesa redonda centrada na apresentação e discussão de mais projetos LIFE atualmente a decorrerem em solo nacional.

Bussaco, 4 de novembro de 2016

IMG 1869 IMG 1917

 

LUSO-BUÇACO ACOLHE SEMINÁRIO INTERNACIONAL SOBRE O PROGRAMA LIFE

 

O seminário Anual Meeting on LIFE Exchange Experiences & Networking – INTER LIFE PT 2016 - o primeiro evento do género a ser realizado em Portugal - teve início, hoje de manhã, no Luso, Mealhada, e prossegue durante o dia de amanhã. O Luso-Buçaco foi o local escolhido pela organização para o debate de ideias e troca de experiências entre especialistas da área do ambiente e beneficiários do programa comunitário LIFE. 

“Dar a conhecer os trabalhos BRIGHT realizados em Portugal, tentando perceber se estão a ser percorridos os melhores caminhos para o seu desenvolvimento” é o principal objetivo do evento, conforme revelou a vogal da Agência Portuguesa do Ambiente (entidade organizadora do evento), Ana Teresa Perez, durante a sessão de abertura do seminário. O presidente da Câmara Municipal da Mealhada, Rui Marqueiro, bem como o presidente da Fundação Mata do Buçaco, António Gravato, foram as duas outras personalidades presentes na abertura do seminário.

Os trabalhos estão a decorrer neste momento, com a realização de uma mesa redonda onde estão a ser apresentados cinco projetos LIFE nacionais. Já amanhã, decorrerá, durante a manhã, uma visita à Mata Nacional do Bussaco, especificamente às áreas intervencionadas no âmbito do Projeto BRIGHT - “Bussaco´s Recovery from Invasions Generating Habitat Threass” do programa LIFE. À tarde, realizar-se-á mais uma mesa redonda, com a apresentação de mais quatro projetos LIFE nacionais.

 

Bussaco, 3 de novembro de 2016  

Luso-Buçaco acolhe seminário internacional sobre o programa LIFE

 

JOSÉ CID SURPREENDIDO EM AÇÃO DE PLANTAÇÃO

O cantor e compositor José Cid e a sua mulher, a pintora timorense Gabriela Carrascalão, plantaram duas árvores, hoje, na Mata Nacional do Buçaco (Luso, Mealhada). Uma cerimónia que ficou marcada pela surpresa que a Fundação Mata do Buçaco preparou ao músico, com a ajuda de 60 atores, figurantes e cantores, que recriaram a Lenda d'El Rei D. Sebastião.
Inspirados na letra que José Cid escreveu para o Quarteto 1111, no momento da plantação da árvore surgiram por entre a floresta bruxos e adivinhos (Companhia de Teatro Viv'Arte) a "provocar" o músico, dizendo que a história que ele cantou no Quarteto 1111 e que ainda continua a cantar nos seus concertos, não está correta. De seguida, surgiram, na Mata do Buçaco, pastoras e trovadores a "meter-se" também com José Cid, dizendo-lhe que viram D. Sebastião, perdido entre os pinhais. Depois, surgiram ciganos e falcatos a afirmarem serem eles El Rei D. Sebastião.
De repente, um intenso "nevoeiro" invadiu a floresta e ao longe, montado no seu cavalo real, surgiu D. Sebastião, com o seu séquito e as suas tropas. Tudo com indumentárias à época (1578). Um grupo de cantores (Coimbra Gospel Choir), vestido com roupa de várias ordens religiosas, entoou, "acapella", a Lenda d'El Rei D. Sebastião.
O rei desceu do seu cavalo e travou uma luta, da qual saiu vencedor. Voltou a montar o seu cavalo real e, antes de voltar a desaparecer por entre o "nevoeiro", saudou efusivamente "D. José Cid", prestando-lhe uma emotiva homenagem.
A "história" que ficou por contar ou mal contada desde a Batalha de Alcácer Quibir, no norte de África, no século XVI, foi reescrita no Buçaco, onde ficou " provado" que, afinal, D. Sebastião não havia morrido.
A plantação feita por José Cid e Gabriela Carrascalão enquadra-se no projeto de reflorestação que a Fundação Mata do Buçaco tem vindo a desenvolver na referida Mata Nacional, que é candidata à classificação de Património Mundial da UNESCO.
Pedro Abrunhosa, Marisa Liz (Amor Electro), Assunção Cristas, Maria de Belém e Rui Reininho foram apenas algumas das figuras públicas nacionais que plantaram recentemente árvores no Buçaco. Também uma equipa de futebol dos Emirados Árabes Unidos e uma equipa de investigadores chineses plantaram uma árvore, este ano, no Buçaco.
Recorde-se que todo o trabalho de limpeza e reabilitação da Mata decorre no âmbito do projeto BRIGHT - "Bussaco´s Recovery from Invasions Generating Habitat Threats", com o apoio do Programa LIFE+.

Bussaco, 10 de novembro de 2016

Cid 2  

José Cid

PROVEDOR DA SANTA CASA DA MISERICÓRDIA DA MEALHADA PLANTA ÁRVORE NO BUÇACO

O provedor da Santa Casa da Misericórdia da Mealhada plantou, esta manhã, uma árvore na Mata Nacional do Buçaco. A iniciativa de reflorestação deste espaço público enquadra-se no âmbito do projeto BRIGHT - "Bussaco´s Recovery from Invasions Generating Habitat Threats" / Programa LIFE+. Contamos com a sua presença!

Bussaco, 4 de novembro de 2016

 Plantação Provedor SCMM2

 

 ADMINISTRADORA DO GRUPO JOSÉ MARIA VIEIRA (JMV) PLANTA ÁRVORE NA MATA DO BUÇACO

A administradora do Grupo José Maria Vieira (JMV), Rosa Maria Vieira, plantou uma árvore (Carvalho Alvarinho, Quercus Robur), hoje, no Pinhal do Marquês, em plena Mata Nacional do Buçaco (Luso, Mealhada).

A plantação enquadra-se no projeto de reflorestação que a Fundação Mata do Buçaco (FMB) tem vindo a desenvolver na referida Mata Nacional, que é candidata à classificação de Património Mundial da UNESCO. Pedro Abrunhosa, Marisa Liz (Amor Electro), Assunção Cristas, Maria de Belém e Rui Reininho foram apenas algumas das figuras públicas nacionais que plantaram, este ano, árvores no Buçaco. Recentemente, também uma equipa de futebol dos Emirados Árabes Unidos plantou uma árvore no Buçaco. No dia 10 de novembro, às 15 horas, será a vez do cantor José Cid e da sua mulher, a pintora timorense Daniela Carrascalão, seguirem o mesmo exemplo.

Recorde-se que todo o trabalho de limpeza e reabilitação da Mata decorre no âmbito do projeto BRIGHT - "Bussaco´s Recovery from Invasions Generating Habitat Threats", com o apoio do Programa LIFE+. Com a sua execução, a FMB visa a conservação/valorização de um habitat relíquia: o adernal, cuja distribuição mundial se circunscreve aos escassos hectares existentes no Buçaco; o controlo/erradicação de flora exótica invasora que ameaça o adernal e demais espécies/habitats da Mata, através de trabalhos de continuidade centrados no ensaio e aplicação de novas práticas de controlo, dirigidas a espécies arbóreas e herbáceas, algumas das quais nunca aplicadas no contexto nacional e outras apenas a escalas mais reduzidas; o envolvimento ativo, nas atividades de conservação/valorização e controlo/erradicação, de diversos públicos e entidades, e da sociedade civil em geral (residentes, alunos, turistas, entre outros), com a perspetiva de assegurar o exercício de uma cidadania ativa e responsável em prol da conservação da natureza e da biodiversidade.

SOBRE O GRUPO JMV:

Fundado na década de 60 do séc. XX, o Grupo JMV – José Maria Vieira dedica-se especialmente à torrefação dos cafés Torrié e à produção de vinhos da marca Borges. É também uma empresa de relevo na área de distribuição de bebidas de reconhecidas marcas nacionais e internacionais. As suas marcas estão presentes em mais de 50 países dos 5 continentes. Fatura cerca de 50M€/ano.

Bussaco, 3 de novembro 2016

IMG 1832 IMG 1852

 

CIMERTEX APOIA O BUÇACO

O administrador da empresa Cimertex, Álvaro Bastos, plantou uma árvore (Carvalho Alvarinho, Quercus Robur), hoje, no Pinhal do Marquês, em plena Mata Nacional do Buçaco (Luso, Mealhada).
Recorde-se que todo o trabalho de limpeza e reabilitação da Mata decorre no âmbito do projeto BRIGHT - "Bussaco´s Recovery from Invasions Generating Habitat Threats", com o apoio do Programa LIFE+.

Bussaco, 19 de outubro de 2016

JM  Plantação Cimertex

 

ADMINISTRADOR DA SECURITAS PLANTA ÁRVORE NA MATA DO BUÇACO

O administrador-delegado da Securitas, Jorge Couto, plantou uma árvore (Carvalho Alvarinho, Quercus Robur), hoje, no Pinhal do Marquês, em plena Mata Nacional do Buçaco (Luso, Mealhada).

A plantação enquadra-se no projeto de reflorestação que a Fundação Mata do Buçaco (FMB) tem vindo a desenvolver na referida Mata Nacional, que é candidata à classificação de Património Mundial da UNESCO. Pedro Abrunhosa, Marisa Liz (Amor Electro), Assunção Cristas, Maria de Belém e Rui Reininho foram apenas algumas das figuras públicas nacionais que plantaram recentemente árvores no Buçaco. Recentemente, também uma equipa de futebol dos Emirados Árabes Unidos plantaram uma árvore no Buçaco.

 Bussaco, 12 de outubro de 2016

IMG 1452 Plantação Jorge Couto

 

ADMINISTRADOR DO HOSPITAL DA FIGUEIRA DA FOZ NO BUÇACO

O presidente do Conselho de Administração do Hospital Distrital da Figueira da Foz, Pedro Beja Afonso (na foto), plantou, dia 28 de setembro, uma árvore na Mata Nacional do Bussaco. Mais uma iniciativa no âmbito do projeto BRIGHT - "Bussaco´s Recovery from Invasions Generating Habitat Threats" / Programa LIFE+. Continuamos a investir na reflorestação dos 105 hectares desta floresta pública.

Bussaco, 28 de setembro de 2016

IMG 1243 

 

PRESIDENTE DO IAPMEI PLANTA ÁRVORE NO BUÇACO

O presidente do IAPMEI (Agência para a Competitividade e Inovação, I.P.), Miguel Cruz, plantou uma árvore, hoje, na Mata Nacional do Buçaco. A plantação enquadra-se no projeto de reflorestação que a Fundação Mata do Buçaco (FMB) tem vindo a desenvolver na referida Mata Nacional, que é candidata à classificação de Património Mundial da UNESCO. 

Pedro Abrunhosa, Marisa Liz (Amor Electro), Assunção Cristas, Maria de Belém e Rui Reininho foram apenas algumas das figuras públicas nacionais que plantaram recentemente árvores no Buçaco. Recentemente, também uma equipa de futebol dos Emirados Árabes Unidos plantaram uma árvore no Buçaco. Recorde-se que todo o trabalho de limpeza e reabilitação da Mata decorre no âmbito do projeto BRIGHT - “Bussaco´s Recovery from Invasions Generating Habitat Threats”, com o apoio do Programa LIFE+. Com a sua execução, a FMB visa a conservação/valorização de um habitat relíquia: o adernal, cuja distribuição mundial se circunscreve aos escassos hectares existentes no Buçaco; o controlo/erradicação de flora exótica invasora que ameaça o adernal e demais espécies/habitats da Mata, através de trabalhos de continuidade centrados no ensaio e aplicação de novas práticas de controlo, dirigidas a espécies arbóreas e herbáceas, algumas das quais nunca aplicadas no contexto nacional e outras apenas a escalas mais reduzidas; o envolvimento ativo, nas atividades de conservação/valorização e controlo/erradicação, de diversos públicos e entidades, e da sociedade civil em geral (residentes, alunos, turistas, entre outros), com a perspetiva de assegurar o exercício de uma cidadania ativa e responsável em prol da conservação da natureza e da biodiversidade.

Bussaco, 30 de setembro de 2016

IMG 1270 IMG 1262 

 

VOLUNTÁRIOS DO CNE REGRESSAM À MATA

Dezasseis voluntários do Corpo Nacional de Escutas do agrupamento 221 de Anadia e do Grupo de Jovens de Barcouço (Mealhada) percorreram, este fim de semana, o Trilho das Invasoras e participaram em ações de arranque de acácias, na Mata Nacional do Buçaco.

As iniciativas decorreram no âmbito do projeto BRIGHT - "Bussaco´s Recovery from Invasions Generating Habitat Threats" / Programa LIFE+.
A próxima iniciativa está agendada para a manhã de 15 de outubro. Nesse dia, venha conhecer o Trilho Adernal.
Inscreva-se: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Bussaco, 18 de setembro 2016

Voluntariado CNE 1 voluntariado CNE 2

 

PRESIDENTE DA TRANSPORTADORA LUÍS SIMÕES PLANTA ÁRVORE NO BUÇACO

O presidente do Conselho de Administração da Luís Simões, S.G.P.S., SA, José Luís Simões, plantou uma árvore, hoje, na Mata Nacional do Buçaco. Uma iniciativa enquadrada no projeto de reflorestação que a Fundação Mata do Buçaco tem vindo a desenvolver nesta floresta, que é candidata à classificação de Património Mundial da UNESCO.

Recorde-se que todo o trabalho de limpeza e reabilitação da Mata decorre no âmbito do Projeto BRIGHT (Bussaco´s Recovery from Invasions of Generating Habitat Threats), com o apoio do Programa LIFE+. Com a sua execução, a FMB visa a conservação/valorização de um habitat relíquia: o adernal, cuja distribuição mundial se circunscreve aos escassos hectares existentes no Buçaco; o controlo/erradicação de flora exótica invasora que ameaça o adernal e demais espécies/habitats da Mata, através de trabalhos de continuidade centrados no ensaio e aplicação de novas práticas de controlo, dirigidas a espécies arbóreas e herbáceas, algumas das quais nunca aplicadas no contexto nacional e outras apenas a escalas mais reduzidas; o envolvimento ativo, nas atividades de conservação/valorização e controlo/erradicação, de diversos públicos e entidades, e da sociedade civil em geral (residentes, alunos, turistas, entre outros), com a prespectiva de assegurar o exercício de uma cidadania ativa e responsável em prol da conservação da natureza e da biodiversidade.

O empresário e a empresa

José Luís Simões é um empresário de sucesso que recebeu do presidente da República, em 2006, a condecoração de Oficial da Ordem de Mérito Comercial. Já a empresa Luís Simões, fundada há 68 anos, é um operador logístico de referência, líder no mercado de fluxos rodoviários entre Portugal e Espanha, possuindo uma frota de cerca de dois milhares de viaturas. Ao todo possui 20 armazéns que superam os 300.000m² de capacidade instalada, em 10 regiões diferentes da Península Ibérica e mais de 1500 colaboradores.

Bussaco, 16 de setembro de 2016

Jornal da Mata 2 Luís Simões

 

ÁRABES PLANTAM ÁRVORE NA MATA DO BUÇACO

Dirigentes e jogadores do AL Khaleej Club, equipa de futebol dos Emirados Árabes Unidos que está a estagiar no Luso (Mealhada), plantaram uma árvore na Mata Nacional do Bussaco, numa das parcelas de terreno protegidas ao abrigo do Projeto Bright (Bussaco´s Recovery of Invasions Generating Habitat Threats). O cônsul daquele país em Portugal juntou-se à comitiva na visita à nossa floresta a ajudou também a plantar um cedro.A comitiva ficou encantada com a beleza da Mata e muito interessada em saber pormenores sobre o Palace Hotel, que classificou como "um edifício absolutamente encantador".

Bussaco, 23 de agosto de 2016

IMG 0784 IMG 0788 

 

SUKYO MAHIKARI AJUDA NA PRESERVAÇÃO DA FLORA DO BUÇACO

Pelo segundo dia consecutivo, decorre na Mata do Buçaco, numa das parcelas do Pinhal do Marquês, uma ação de voluntariado desenvolvida pela organização "Sukyo Mahikari".

A iniciativa conta com a participação de 17 jovens, com idades compreendidas entre os 16 e os 35 anos, pertencentes à instituição e insere-se no âmbito do Projeto Bright (Bussaco´s Recovery of Invasions Generating Habitat Threats), do programa Life+, tendo como foco principal o arranque de acácias e o controlo de focos de reincidência de tradescantia (tradescantia fluminensis), ambas, espécies invasoras que ameaçam a reabilitação da flora autóctone da região.
"O ser humano tem vindo a destruir os animais e os mecanismos da Natureza, ao longo das gerações, e é com muita alegria que aqui estamos, para dar um pequeno contributo na procura pela melhoria do ecossistema", começou por dizer Marc Gerolle, um dos diretores da organização. "Esta é uma oportunidade que temos para estar em interação e em harmonia com a Natureza e esperamos voltar muito em breve", concluiu.
A Sukyo Mahikari é uma organização não-governamental, com sede no Japão, que realiza ações de voluntariado e de consciencialização, um pouco por todo o mundo, nas mais diversas áreas do saber.

Bussaco, 25 de julho de 2016

IMG 0243 IMG 0253

FaLang translation system by Faboba
joomla template 1.6

PARCEIROS