Executivo Mealhadense aprova protocolo para reconstrução do posto de vigia do Moinho do Pisco

A Câmara Municipal da Mealhada aprovou, na última reunião do Executivo, o protocolo de colaboração com os municípios de Anadia, Águeda e Mortágua para a comparticipação da construção do posto de vigia do Moinho do Pisco.

O protocolo estabelece que as obras ficam a cargo da Câmara Municipal de Anadia, cabendo aos restantes municípios uma comparticipação financeira de 5.300 euros cada, totalizando a intervenção 21.200 euros. O Posto de vigia do Moinho do Pisco, situado numa área de confluência de serras destes quatro municípios, integrava a Rede Nacional de Postos de Vigia (RNPV), coordenada pela Guarda Nacional Republicana. A estrutura de ferro do posto de vigia, com cerca de 16metros, foi furtada em 2012, ficando o mesmo desativado. Só este acordo financeiro entre municípios possibilitou a sua reconstrução, reativação e consequente integração na Rede Nacional. Este posto de vigia é de crucial importância para a prevenção de incêndios nestas zonas de contínuo florestal de eucalipto e particularmente para o município da Mealhada, dada a proximidade com a Mata Nacional do Buçaco e a necessidade de preservar o seu património natural e arquitetónico.

Fonte: C.M.M.

Buçaco, 29 de agosto de 2016

 

 

facebook icon  youtube icon  tripadvisor icon
Top